Blog sobre Teologia contemporânea. Devocionais, artigos e Estudos Bíblicos indutivos

terça-feira, 29 de novembro de 2016

O preço da Felicidade- Suprema Bênção - Salmos 119.57

O Senhor é a minha herança; eu disse que observaria as tuas palavras.  Salmos 119.57



Você está ali, pensando na vida , quando menos espera recebe um telefonema, um parente seu, distante,  que você nem sabia que existia  faleceu e deixou uma fabulosa herança para você e sua família. Poxa que fortuna inesperada, isso mudará sua vida. Seus problemas financeiros desaparecerão, terá muitos confortos e muitos bens, será finalmente feliz pois poderá ter então sua segurança para a velhice. Isso é o  que  pode preencher sua vida, o que dará sentido a  sua existência? Sente falta ainda  de algo?

Vamos lá, você tem uma doença difícil, incurável, estás  esperando sua hora chegar. Ali está a sofrer para caramba, luta e está cansado. Pronto você foi curado, um grande milagre aconteceu em sua vida e você está perfeitamente saudável. Então, que me diz? Ficou alegre, sente-se realizado?

Acabou um relacionamento! Uma coisa tremenda, triste mesmo, você fica no fundo do poço, está lá, sem saber ( e nem ter) para onde correr. Lá no meio da sua amargura, Deus levanta você coloca diante de suas vistas um amor maravilhosamente inesperado. Surgiu de maneira abrupta e repentina. Pronto você sente-se renovado, alegre e feliz. Tudo bem então? Estás plenamente satisfeito?

Estás desempregado, as dívidas batendo-lhe na porta, aluguel, água e luz, tudo vencido. Faltam-lhe recursos para comprar o sapato que furou e alimentos mais adequados. De uma hora para outra se abre uma porta de emprego, bem remunerado e de acordo com suas capacidades. Pronto, agora sim! Tudo que precisava aconteceu! Está satisfeito! Será?

Teria infinitos exemplos, mas para a ocasião estes três serão suficientes.
A pergunta que fica é: Qual o "preço" da sua felicidade?
 Bom esta resposta varia bastante, alguns dirão que é isto  outros que é aquilo outro. Para algum mais afoito, então eu perguntaria: O que você precisaria hoje para você ser feliz? Muitos não saberiam dizer.
Apesar da maioria deles ignorar, o  supremo foco do ser humano é só um: o seu bem estar físico e emocional. Satisfazer plenamente estes dois lados do ser humano é bastante complicado, todo mundo sabe do que precisa para ser feliz até que consiga alcançar seu objetivo, mas logo depois de alcançar, ele percebe que não era "só" aquilo, ele precisa de mais.


Em busca da bênção suprema

Na verdade o salmista entendia muito bem onde estava a sua verdadeira felicidade, onde estava sua fonte de prazer. Não em bens, não em sua condição de saúde, não e em sua família ou amigos, mais do que tudo , a fonte de sua alegria vinha do Senhor, para o escritor deste salmo não havia herança maior do que pertencer a Deus e obedecer-lhe os preceitos.
Assim como qualquer um de nós ele estava em busca da Suprema Bênção , só que , diferente da maioria , ele sabia onde encontrá-la.
Essa é a bênção suprema, que o salmista conhecia perfeitamente, não os bens, não as bênçãos, a maior bênção é a comunhão com o Doador das bênçãos!
Eis a Bênção Suprema para todos os salvos, o próprio Deus!O Senhor é nossa herança é Dele que nossa felicidade depende.

Share:

O Maravilhoso Jardineiro e a Laranjeira. Salmo 119.56

Isto fiz eu, porque guardei os teus mandamentos. Salmos 119:56


O que é guardar os mandamentos? O que isso implica? Se o cristão é salvo pela graça ele deve procurar guardar os mandamentos?

Bom vamos à uma ilustração,  eu a chamo de:  "  O Maravilhoso Jardineiro e a Laranjeira".
Você já viu uma laranjeira sem fruto? Se nunca viu fique sabendo que sim, há laranjeiras sem fruto, mas essa não é a regra, pois o normal é vermos as laranjas sadias e bonitas dependuradas na árvore. Mas seja por que a árvore é ainda muito nova, seja por que ainda não está na época de fruto, seja por que  árvore está doente, seja qual for o motivo para que ela esteja ainda sem fruto, nós sabemos que ela ainda é uma laranjeira. E por quê? É simples, nós sabemos que nela há uma essência indiscutível, uma essência que a distingue da macieira, da oliveira e da videira, pois há nela uma natureza de laranjeira.
Mas se porventura esta árvore produzir azeitonas, ou morangos, ou uvas, ou maçãs, ou qualquer outro fruto, aí sabemos que não estamos diante de uma laranjeira, pois além de não produzir laranjas ela ainda está a produzir outro tipo de fruto.
Assim também é com a vida do verdadeiro salvo, sua vida é movida pela fé em Cristo e pelo arrependimento das obras mortas. Ele pode ser um recém convertido, cheio de falhas, em qual não localizamos ainda nem um dos frutos do Espírito (conforme Gálatas 5), mas ele ainda assim é um cristão, ainda assim tem natureza de salvo. Por quê? Por que a natureza do salvo é ser arrependido. O arrependimento das obras mortas, do pecado é resultado de nossa natureza transformada. Mas quem não foi regenerado, não foi salvo não demonstra arrependimento sincero, neste caso não estamos apenas diante de uma árvore que não produz o devido fruto, estamos diante de uma árvore de espécie distinta, uma árvore que não penas não produz o devido fruto, mas também produz fruto diverso. No caso não seria uma laranjeira, mas outra espécie de árvore.
Aonde chegamos com tudo isso?  
Sabemos que o homem não pode salvar-se pelo seu próprio esforço em obedecer aos mandamentos da lei de Deus. Nada que ele faça pode transforma ele, uma árvore má, em uma boa árvore produtora de bons frutos. Mas aí é que entra a Graça. Ela regenera o homem, tira o coração de pedra, coloca um coração de carne tornando-o cada dia mais parecido com Jesus. Uma nova natureza, novo coração, nova seiva brotando-lhe da raiz, passando ao caule e as folhas. Então este pecador arrependido como tempo dará o devido fruto, pode que demore mais, pode que demore menos, mas o verdadeiro eleito dará fruto. Entendamos, ele não dará fruto para ser uma nova árvore, pois é impossível, por exemplo, uma jabuticabeira produzir laranjas.
Só Deus que pode fazer duma árvore ruim nascer uma árvore novinha. E esta árvore novinha , no devido tempo, tempo que o Maravilhoso Jardineiro conhece perfeitamente, ela dará laranjas muito doces e nutritivas simplesmente por ter sido transformada em laranjeira e sendo cultivada por este Jardineiro dará muitos frutos.
O Maior,  melhor e mais característica desta laranjeira é o fruto do amor. Quem não procura servir com amor ao seu próximo ainda não foi salvo, ainda não foi regenerado. 
Outra coisa,  se o fruto ( do amor) ainda não aparece isso não é desculpa para não cultivá-lo, não procurá-lo. A busca é sinal de que houve salvação, de que houve transformação. E sabemos que o Maravilhoso Jardineiro pacientemente cultiva sua laranjeira, até que em alguns casos parece que ela não dará fruto, parece demorar; mas não, ele cuida, ele cultiva, ele trabalha, ele está ali, amando sua árvore, cuidando de seus galhos, folhas e flores, ele poda os galhos fracos para que ela possa florescer e embelezar o ambiente.
 Voltemos as perguntas:
O que é guardar os mandamentos? O que isso implica? Se o cristão é salvo pela graça ele deve procurar guardar os mandamentos?
Guardar os mandamentos é amar ao Deus e ao próximo.
Isso implica em ser regenerado, ter sua natureza transformada.Ser alvo da Graça de Deus operando em sua vida.
O cristão deve procurar guardar os mandamentos pois este é o fruto natural do salvo , ele vai amar naturalmente, sem forçar e no devido tempo produzirá os frutos do Espírito.
   
A Bíblia diz em Romanos 13.10 “O que ama ao seu próximo não lhe faz nenhum mal. Pois o amor é o cumprimento total da lei.”
A lei de Deus resume-se em amor. A Bíblia diz em Mateus 22.37-40 “Respondeu-lhe Jesus: Amarás ao Senhor teu Deus de todo o teu coração, de toda a tua alma, e de todo o teu entendimento. Este é o grande e primeiro mandamento. 
Assim como o salmista, os crentes amam guardar os mandamentos do Senhor.


Se o  Maravilhoso Jardineiro está a te cuidar, regar, podar e cultivar no devido tempo você será uma linda laranjeira e produzirá muitos frutos para benefício dos homens ao redor e para glória de Deus.


Share:

segunda-feira, 28 de novembro de 2016

A potência da oração noturna. Salmo 119.55

 Lembrei-me   do teu nome, ó Senhor, de noite, e observei a tua lei.  Salmo 119.55



A noite é para se dormir, nada mais lógico que isso. Todos os serviços essenciais, mantidos à noite, são naturalmente prejudiciais para a saúde da grande maioria das pessoas.  O dia foi feito para o trabalho e para as atividades e ao fim dele o corpo chega a um estágio de esgotamento que, somente com uma noite muito bem-dormida, é que as energias são recompostas.
Dormir faz bem para o corpo e para a mente. Durante o sono, é como se o corpo e a mente estivessem sendo calibrados para o dia seguinte: o cérebro consegue armazenar mais informações e a mente fica mais concentrada e atenta. Como uma boa noite de sono consiste em ter qualidade e quantidade, dormir em um ambiente saudável é crucial para que o corpo descanse bem.
Mas às vezes é bom quebrarmos um pouco esse excelente costume de descansar a noite e  tirar um momento para oração noturna.
O  salmista lembrava de Deus pela noite, era seu momento de orar a Deus. Alguns pensarem que Deus prefira que oremos pela madrugada, a verdade é que   não existe horário certo pra falarmos com Deus, pois Ele nos ouve a todo instante e em qualquer lugar, basta apenas chamarmos com fé.
Por que o Salmista fala então que à noite lembrava do nome de Deus pela noite?
Vamos primeiro quais os motivos errados para escolher  orar de madrugada:  não é porque a fila é menor, não é por que Deus te escuta mais, não é porque você  deva fazer  uma espécie de penitência  ( como que dizendo para Deus “olhe só como sou esforçado”), não é por que a oração é mais poderosa ou mais bem-feita.
Agora vamos dar um excelente motivo para escolher este horário para orar. Orar de madrugada é bom pelo mesmo motivo que oramos, geralmente de olhos fechados, ou seja, cerramos às vistas para ter mais foco e atenção na nossa oração. Por que seria diferente na madrugada? De madrugada   existe  bem menos barulho, nenhuma criança, seus parentes ou amigos dificilmente vão ligar ou realizar uma visita, poucas coisas tirariam sua atenção.  Altas horas da noite eu posso manter um silêncio, temor e comunhão   que não conseguimos manter em outros momentos do dia. O horário em si não te traz nada de especial a não ser sua própria disposição mental a abandonar as distrações diárias e focar exclusivamente em Deus.
Uma oração à noite pode ser muito mais vibrante, corajosa e desimpedida, pode nos revigorar as forças para enfrentarmos o dia posterior.
Obedecer a Deus e seus mandamentos de amor não é coisa tão fácil. Nosso corpo está tão acostumado ao pecado que é totalmente desconfortável obedecer à Palavra. Mas como aprendemos com o salmista, era durante a noite que ele buscava força e graça para obedecer. Buscava força e fé para perseverar em fidelidade.
Sem dúvida não podemos desprezar a potência da oração noturna, não se pode deixar sempre de lembrar  o quanto praticá-la pode nos fazer muito bem.





Share:

Cantar e peregrinar, verbos que andam juntos. Salmo 119 .54

 Os teus estatutos têm sido os meus cânticos na casa da minha peregrinação.  Salmo 119 .54



O ditado popular diz que “Quem canta os males espanta.”
Isso é claramente uma inverdade. Nem sempre o que antamos  afasta coisas más, pelo contrário, dependendo do conteúdo da música o mal  continua ali, fazendo estragos na vida da pessoa . 

Faça uma breve análise das músicas da atualidade, músicas que fazem sucesso e tem apelo popular, e que sejam algo que seja fora do círculo evangélico. Olhe bem as letras , olhe bem os temas que elas executam. O que você vê?  A temática gira grande parte  em torno em torno do ideal romântico , do amor entre homem e mulher. E muitas destas músicas trazem um conteúdo totalmente podre e corrompido sobre este assunto.
Porém para o povo hebreu, a música tinha lugar de destaque na adoração a Deus. Além disto, era tocada em coroações, cerimônias de guerra, era conduzida para entreter a corte real, era utilizada em  casamentos e reuniões familiares,   durante as festividades da colheita, em situações de lamentos e  cerimônias funerais entre outras. 
Veja só, que grande prazer tinha o salmista em admirar os mandamentos de Deus, haja vista que o maior cântico da Bíblia, este que estamos a analisar, o salmo 119 é um enorme elogio aos mandamentos do Senhor. 

Poucas atividades humanas revelam mais beleza e harmonia do que uma bela música. Cantar é bom, mas cantar ao Senhor é muito melhor.

Cantar ao Senhor nos traz plenitude, traz alegria. Paulo e Silas (Atos 16:25-28) cantavam na prisão não por estivessem felizes com seu encarceramento, nem por que eram malucos e gostavam de sofrer açoites. Não, eles cantavam por que cantar , louvar, ameniza o sofrimento. Cantar lhes aliviava as dores lacerantes que sentiam na carne.
O salmista estava feliz, estava jubiloso , ele ansiava viver com Deus, e ele nem mesmo considerava sua morada terrena algo de valor pois chama de casa de peregrinação ou casa de passagem. Apesar disso seus dias nesta casa provisória se tornavam mais alegres e felizes quando ele cantava, e não cantava qualquer música, ele cantava a Palavra de Deus.
Não existem letras mais profundas, mais elaboradas, mais  deliciosas de se ouvir e cantar , mais edificantes do que as letras que emanam da Bíblia Sagrada. Quando o conteúdo bíblico jorra dos lábios do cantor vindo direto da fonte da vida que são as Sagradas Escrituras temos plena certeza de que estamos no caminho certo, o caminho da adoração.
Cantar e peregrinar são verbos que devem ser conjugados juntos durante a vida cristã. O louvor em forma melodiosa é  algo de mais sublime e próximo dos céus que o Senhor nos permitiu conhecer.

Meditar em uma música de conteúdo bíblico é refrigério para alma, consolo para os aflitos e um poderoso remédio para os males do mundo. Saul chamava Davi para tocar-lhe Harpa e fazer com que a tristeza fugisse, Eliseu pediu para si um tangedor de harpa também para que o ambiente fosse agradável para que ele pudesse receber a divina orientação que o rei precisava.

Escute louvores, cante louvores, ame louvar, mesmo que sua voz nãos seja a mais linda e apreciável, afinal Deus é que fez esta voz e ele sempre se aceita o que lhe é oferecido com gratidão e como expressão de nossa alegria em servi-lo;


Share:

sexta-feira, 25 de novembro de 2016

Irar-se para glória de Deus. Salmo 119. 53



Grande indignação se apoderou de mim por causa dos ímpios que abandonam a tua lei. Salmo 119. 53




Quando é que a ira é justa? Esta é uma pergunta muito relevante porque estamos sempre propensos a nos irar e agir de acordo com essa ira.

 A ira é um reflexo humano , uma resposta quase automática que nosso corpo dá quando percebemos que algo está errado. David Kornfield diz que a ira é o desejo ardente de atacar, corrigir ou destruir algo ou alguém que nos incomoda ou nos ameaça. A ira nos faz agir, e agir rápido, em diversos casos isso pode ser uma vantagem primitiva. Se estamos sendo agredidos a ira nos faz lutar, se estamos precisando defender a família ou amigos a ira nos projeta para sua defesa.
Mas raramente estes casos extremos justificam os muitos acessos de  ira que incorremos no decurso da vida.  Os motivos que nos levam a ira são muito menos nobres. Acredito que um dos principais motivos de ira é nossa tendência a proteger nosso orgulho, nossa vaidade e nosso amor próprio. 

Esse tipo de ira, necessária em determinadas situações, leva a pessoa a agir em favor da verdade, do amor e da justiça. Nunca em defesa própria!
 O Salmista foi muito correto em sua ira, ele não estava se indignando por causa de si mesmo, por causa de uma ofensa pessoal que houvera recebido. Não , ele estava se indignando por causa da santidade de Deus. Há homens que lutam ferozmente, com todas as forças que possuem para que a Majestade do Senhor seja conhecida e reconhecida na terra. Por isso, por tal amor, por tal devoção eles se iram contra as injustiças, as crueldades dos homens, as falsidades e tudo quanto é pecado e ofende a Santidade divina.
Apesar da ira não ser um sentimento negativo por  si mesma, ela pode provocar uma reação totalmente pecaminosa como uma agressão , seja verbal ou física, ela também pode provocar ressentimentos, amarguras, ou ainda por provocar graves erros de julgamento.

O segredo para sermos bem sucedidos ao controlar a ira é pensar na hora , " poxa , por que estou irado?" Se a resposta da pergunta é algo ligado ao seu bem estar, suas necessidades ou sua honra ou orgulho é hora de rever sua ira e rogar a Deus para que essa ira suma o mais rápido possível. Claro que isso é difícil, mas com treino  e motivação conseguimos, o importante é construir o hábito de refletir mesmo estando irado, o que parece, mas não é, tão simples.
O motivo mais justo para nos irarmos é a busca pela vindicação do nome de Deus entre as nações. Quando percebemos o pecado e isso nos deixa irado isso é sinal de que o Espírito Santo está trabalhando em nossa vida. Não só o pecado notável que percebemos na vida de outrem, mas nosso pecado também. 

Essa ira contra o pecado, a transgressão,  aponta para nosso amor e devoção ao Senhor. Aponta para nosso temor , nossa disposição de honramos àquele que merece toda honra e Glória , nosso Deus.  Neste contexto sim, faz sentido irar-se para glória de Deus.
Share:

quinta-feira, 24 de novembro de 2016

Conservadores ou Revolucionários? Salmos 119:52

Lembrei-me dos teus juízos antiquíssimos, ó Senhor, e assim me consolei.  Salmos 119:52

Sabemos que nosso mundo atual está  se tornando cada vez mais intolerante para com valores antigos. As palavras "revolução", " progresso", "modernidade", "mudança" são usadas com muito mais frequência e com significado muito mais positivo do que as palavras "preservar", "conservar", "proteger", 'perpetuar", por exemplo.

Johann Wolfgang Goethe diz que : "aquele que sabe guardar, proteger e conservar terá sempre, no fim, a melhor parte" e que "bom é adquirir, mas melhor é conservar".

Apesar da sociedade moderna invariavelmente desprezar os conservadores,  sabemos que essa característica é  positiva  ,quando sem exageros,  para a  vida do crente.
Goethe concordava com o salmista neste importante ponto. Os dois entendiam o valor das coisas antigas, o valor de conservar o que  possuímos, assegurar-se do  que for bom.

O salmista entendia que os juízos de Deus eram antiquíssimos e isso era um elogio! Na sociedade dos hebreus uma coisa que era antiga tinha bastante valor, por exemplo os anciãos eram reverenciados e detinham a autoridade tribal e familiar, o vinho antigo era muito apreciado,  o valor de uma lei, ensino  ou tradição  estava diretamente ligada á sua antiguidade.
Ao saber que os mandamentos do Senhor eram antigos o salmista tinha segurança.  Antigo é algo  bem conservado, algo bem protegido e valorizado. Conservar, do ponto de vista bíblico,  implica observância à sã doutrina, a qual nos leva à santidade, à prudência e a ter bons costumes.
Há muitos jovens de hoje em dia que acham que deve haver mudança pela mudança, luta pela luta, revolução por revolução, como se somente o ato de mudar resolvesse algo.
Pense, existem conquistas que as gerações passadas lutaram muito para adquirir e nós podemos jogá-las fora somente pelo gosto de mudar.

A filósofa Hannah Arendt disse :
O revolucionário mais radical se torna um conservador no dia seguinte à revolução.

Ou seja, ele, o jovem revolucionário,  assimila aquilo que ele conquistou como o suprassumo do correto, do justo, e idealiza o seu feito.
Ser conservador também significa o bem, manter o que é bom, verdadeiro, e não significa de modo algum  apegar-se no passado com todas as a suas falhas e fracassos adotando um modelo antigo sem nenhuma reflexão. Conservar não é compactuar com erros do passado nem querer que a tradição valha por si mesma. Conservar significa que não devemos descartar fora tudo que é antigo, tudo aquilo que não advém da revolução e da conquista.
Ser alguém conservador não significa lutar contras mudanças, contras melhorias, não é pensar que as gerações mais novas não tem nada a acrescentar , conservador é aquele que sabe diferenciar o que é valor e o que é costume, o que é princípio bíblico do que é recomendação humana.

Mudar nem sempre é bom negócio, muitas vezes em busca de uma mudança que vai melhorar nossa vida procuramos coisas que vão mais é estorvar e atravancar nossa realização pessoal .Reflita, tem horas que é preciso deixar as coisas como estão e batalhar pelo que se já conquistou.
Focar no que Deus nos deu, no que Ele nos fez, no que recebemos de nossos antepassados, pastores, amigos e parentes. Construir onde já há alicerce sólido é muito mais fácil e nosso trabalho fica mais produtivo. Se   nos empenhamos só na mudança, na troca e só na conquista,  abriremos a guarda para que nos roubem aquilo que já alcançamos.
Como cristão é mais do que natural a  nossa adesão a princípios e valores atemporais, que não mudam com o tempo nem com o gosto da sociedade. Valores como o combate ao aborto, combate ao homossexualismo, combate ao adultério, combate ao fumo, às drogas, valorização   familiar, da autoridade masculina do lar, entre outros.
As coisas antigas, os mandamentos antigos,  trazem confiança. Eles são como balizas que norteiam nossa tradição e nos podem orientar quando forem necessárias mudanças pontuais.  Eles já resistiram á muitas épocas e  gerações por isso mostram-se dignos de elevada estima.
Enquanto os ímpios nos dizem  que temos que mudar, temos que evoluir, nós os refutamos dizendo :  " nós  precisamos é conservar a fé que uma vez nos foi dada, e nós cremos que será preservada pelo auxílio do  Espírito Santo. É imperioso que mantenhamos  nossa fidelidade irrestrita á Palavra , isso é ser um conservador Cristão.

O salmista foi consolado em sua aflição pela lembrança da antiguidade dos mandamentos do Senhor. A revolução pode mudar muita coisa, mas nem sempre mudar muita coisa é preciso ou saudável. E mesmo havendo necessidade de mudança, algo precisa ser conservado   especialmente os princípios bíblicos.

Share:

Eu e minha internet serviremos ao Senhor

"Porém eu e a minha 
casa serviremos ao Senhor"
Josué 24.15

Talvez pareça clichê o que vou dizer , mas para mim a internet é uma grande janela para o mundo. Olhando desta janela você pode conversar com os amigos, fazer compras, namorar, abanar para conhecidos, ou admirar a paisagem. Bom, essa janela tem usos um pouco diversos também, como anunciar, informar, comunicar, encenar.
Tudo isso bem a antigamente se podia fazer da janela de sua casa. Era só abri-la de frente para a rua e esperar o movimento começar. Depois fazer uso deste tão antigo intermediário da comunicação , a janela. 
Mas a internet naturalmente também pode ser usada para o mal. Há todo tipo de roubos, calúnias , difamações, imoralidades  sendo diariamente enviadas para rede de internet mundial.
E pior ela está servindo, não só para divulgar mas planejar e executar muita coisa prejudicial e maligna  e que vai trazer muitas coisas ruins par a avida da pessoa.
Esta janela muitas  vezes está  escancarada para poder cuidar melhor da vida de outros. Ou está ali sendo usada para espiar pornografia ou vídeos eróticos. Em outros casos abre-se a janela para as piadas indecorosas, as anedotas de duplo sentido. Há muitos tipos de crimes que se praticam pela internet, muitos deles ligados a pedofilia, sequestros, namoros virtuais enganosos. Há milhares de sites que incentivam inimizade, violência, imoralidade, rebelião, adoração ao demônio.
Para evitar este tipo de coisa e muitas outras não sitadas aqui, é importante desenvolver algumas atitudes sadias como:

-  Limitar a sua exposição da internet. Cuide os horário que vais abrir esta janela. O usuário deve controlar total sobre seu tempo na rede.
 - Cuidar do que suas crianças assistem.
- Cuide dos sites de relacionamentos, há muita gente mal intencionada que usa estes sites para enganar os incautos e incautas.
- Evitar expor muitas informações pessoais na rede.
- Comunique-se , converse, veja o mundo  que existe além e fora da visão desta janela. Afinal se morarmos na janela ficaremos presos a uma pequena fração de tudo aquilo que Deus deseja que vivamos, aprendamos e experimentemos.
A janela do seu computador deve estar bem protegida contra invasores 
Use a internet para servir a Deus, use para preparar estudos bíblicos, para  se comunicar com parentes distantes, para assistir de vez em quando a um bom filme, escutar boa música, divulgar material evangelístico , enfim diga:

Eu e minha internet serviremos ao Senhor!


Share:

quarta-feira, 23 de novembro de 2016

A maligna zombaria.Salmos 119:51


Os soberbos zombaram grandemente de mim; contudo não me desviei da tua lei.  Salmos 119:51



A zombaria , a brincadeira pesada, o desprezo , a brincadeira de duplo sentido, tudo isso pertence ao modus operandi do escarnecedor. A zombaria e o riso são suas armas mais poderosas. Até mesmo mentes mais brilhantes já foram desestabilizadas por uma zombaria.
Uma das piores e mais difíceis de lidar é com a ridicularização da nossa fé. Só quem já foi zombado e ridicularizado por sua fé sabe o quanto isso pode doer.  
Se existe problema complicado de lidar, difícil de manter a paz, este problema é a zombaria, pois quem se sente humilhado quer revidar a afronta e isso pode gerar graves contendas. Este tipo de procedimento é tão grave que pode causar depressão severa nas pessoas. Este é o famoso bullying  (Segundo definição da web: Bullying é um termo utilizado para descrever atos de violência física ou psicológica, intencionais e repetidos, praticados por um indivíduo ou grupo de indivíduos causando dor e angústia, sendo executadas dentro de uma relação desigual de poder.)

Eis o caso, o escarnecedor só zomba daqueles do qual se acha superior. Ele ri do tolo, por que ele nãos e acha tolo,  ele ri do fraco por ser mais fraco que ele, ri do miserável por ser mais pobre que ele, ele ri do homem de pouca sorte por sofrer mais que ele.  Resumindo, o escarnecedor é  uma das piores espécies de soberbos que existe pois além de se considerar superior e menosprezar  as qualidades de outrem, o orgulho, a soberba e a vaidade são tudo que alimenta o seu ego, um ego inchado que zomba de  toda e qualquer pessoa sem consideração aos seus sofrimentos.
Sorrir é bom e faz bem ao coração e a alma, mas o sorriso do escarnecedor é cruel, maligno e cheio de imundícia.
O zombador se ergue contra o aflito , o humilhado, o ferido e o aflige ainda mais, o seu sorriso é tal como o estalo de espinhos ao fogo debaixo da panela, assim é o riso dos insensatos, como diz o livro de Eclesiastes.
O escarnecedor é uma pessoa ímpia , que ofende os pais, a moral, a justiça, que não reverencia autoridades, totalmente arrogante e insensato.
Há muitos que zombam na fé alheia sem nenhuma cerimônia. O escárnio é uma manifestação maligna, irônica ou maliciosa, por meio do riso, palavras ou gestos, e com que se ridiculariza ou expõe ao desdém uma pessoa, instituição, atitude. A zombaria vem para desestabilizar a pessoa. O zombador deseja que o alvo de seu ataque se ofenda e parta para a agressão, seja verbal ao física. Quando ele percebe que a pessoa  está transtornada, desestabilizada emocionalmente, ele se sente realizado. Seu prazer é mexer com as emoções de seu semelhante apenas para ter o prazer de vê-lo sofrer ou perturbado.,
Muitos quando zombam ainda justificam dizendo, "a pessoa entende", ou " ela não leva a mal" , "é só brincadeira".
Não, não é só brincadeira, é algo muito terrível que ocorre na mente de uma pessoa que sofre zombaria, isso pode danificar para sempre o tecido emocional da pessoa. Espiritualmente pode ser um desastre. Quem pratica o deboche nunca pode ter certeza do alcance do dano que está a fazer.
Claro que não adianta nada dizer para o ímpio parar de zombar, o espirito dele está manchado pelo pecado. Porém é fundamental entendermos que o deboche não é uma atitude digna de um cristão. Causar feridas profundas nunca foi e nunca será  o ideal de um servo de Deus, e se você porventura pratica este tipo de atitude reveja bem seu procedimento, lembre-se que pode estar a machucar profundamente um irmão. Um sorriso de escárnio pode penetrar no fundo da alma, como uma lança e ali fazer sangrar uma alma até que ocorra uma grande hemorragia de sofrimento.
Como o salmista disse "os soberbos zombaram de mim", sim só pode ser muito soberbo quem se acha digno de menosprezar e rir de  um semelhante.
O próprio salmista também recomenda no salmo primeiro:
"Bem-aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores."
Porém é inevitável que soframos da zombaria dos incrédulos. Jesus mesmo foi zombado, escarnecido e injuriado pelos seus patrícios.
Paulo foi zombado, Pedro , Jeremias, Ezequiel, Neemias sofreu nas mãos de Tobias e Sambalate que zombavam constantemente de sua liderança em Israel.
Como lidar com isso? Vejamos o que disse o salmista: "contudo não me desviei da tua lei".
O segredo é não fugir do compromisso com Deus, não nos desviarmos de nossas atitudes corretas, por mais difícil que nos pareça suportar a zombaria.
Zombam do moço que não quer fazer como os outros e beijar só por beijar: dizem " ele é um tolo, um panaca".
Zombam do homem que não deseja adulterar: " ele é um puritano, todos os homens fazem isso , é normal"
Zombam da dona de casa que se esmera em cuidar de sua família : "ela é uma boba, deveria deixar  seus filhos e maridos e cuidar apenas de si"
Zombam do jovem que não vai em baladas, boates  para ir aos cultos , domingos à noite: " Ele é um tolo perdendo sua juventude".
Ora, o que percebemos é que a zombaria dos ímpios quer nos afastar de Deus e de seus caminhos. É preciso resistir a isso, sofrer pela nossa fé, por nossos princípios e  jamais ceder aos escárnios  do mundo.
Apesar de se achar, o ímpio não é superior ao cristão fiel, porque despreza a vontade  de Deus para sua vida. Não é superior por agir contra os princípios bíblicos. Na verdade é digno de piedade quem cede, é digno de lástima quando um servo piedoso sucumbe à zombaria e faz a vontade da carne.
Não sejamos assim, nem dentre os zombadores, nem dos que se deixam levar pelo escárnio e sucumbem às tentações.
Sejamos como o salmista que disse que ele não sucumbiria perante o escárnio e provocação.

Share:

sexta-feira, 18 de novembro de 2016

A amizade e a depressão. Salmos 119.50

 Isto é a minha consolação na minha aflição, porque a tua palavra me vivificou. Salmos 119.50
  

Preciso de   ajuda!  Agora ! Rápido! A vida de um homem está por um triz , vamos lá!
Quando chegam ao local ali observam o homem que está prestes a pular da ponte, sua vida já não faz sentido, ele deu ouvido a palavras de morte, de pessoas que diziam que a vida não vale nada , tudo é vazio, não havia mais esperança para ele. Ele está depressivo no último estágio e vai se atirar daquela alta e terrível ponte. 
Quem o poderá impedir?

A Ponte “Golden Gate”   localizada na Califórnia, EUA, é o local de suicídio mais popular do mundo.
Em média, as pessoas pulam da ponte uma vez a cada duas semanas. Mas a ponte não é o único lugar de suicídios no mundo, segundo site Nações Unidas ,  no mundo há um suicídio a cada 40 segundos: morrem mais pessoas por esta causa que por conflitos bélicos.

É sabido que aqueles que sofrem de depressão  experimentam sentimentos intensos de tristeza, raiva,  desanimo, ansiedade mórbida , crises crônicas de humor e  uma severa apatia . Tudo isso pode ser experimentado junto confundindo a pessoa.
Há muitas coisas que fazem o homem chegar a este ponto em sua vida. Motivos financeiros, um relacionamento frustrado, humilhações, desprezos, uma doença terminal, uma tragédia na família entre outros tanto motivos.  , como a perda de um emprego,  divórcio , a baixa auto-estima , falta de amigos e também por fatores ligados ao estresse cotidiano. A depressão também pode ser ocasionada por motivos clínicos como deficiência em algum nutriente, problemas hormonais, distúrbios nos processos cerebrais entre outros. Nos casos clínicos só um exame pelo psiquiatra pode tratar do problema, muitas vezes com uso de medicação controlada, alimentação balanceada, exercícios .
Porém percebe-se que o principal causador da depressão é problema emocional e espiritual.  Neste caso , o centro de tudo isso  é apenas um: Desesperança.  Os motivos variam , mas o cerne sempre é o mesmo. Falta esperança , de fé e de confiança em Deus. Isso gera uma doença terrível, a depressão , que já tratamos de maneira rápida em outros posts.

Onde estarão os amigos verdadeiros das pessoas que passam por depressão? Será que sabem o que é depressão? Será que saberão como ajudar quem está passando?
Vamos ver mais algo sobre ela:

E essa doença é muito perigosa, é notório que os que se encontram em grau severo de depressão são fortes candidatos a tentarem suicídio. 
 Há muito que passam pela depressão, são também muitos que a superam com a graça de Deus. Sim ela é superável, ela não é garantia certa de derrota, sofrimento eterno. Não Deus nos deu recursos muito bons e um dos melhores é a amizade. Dificilmente quem tem bons amigos, mesmo que poucos,m as bons amigos em que possa confiar esse é mais feliz e realizado e tem problemas sérios com o temido suicídio que é o estágio final da depressão.

Quem de nós está disposto a socorrer os potenciais suicidas? Quem de nós está disposto a identificar os sinais que eles dão antes de tentarem dar cabo em suas vidas?
Sim a depressão é o mais poderoso gatilho para o suicídio. Existem pessoas prestes a se suicidar por causa desta doença . Estas pessoas estão oprimidas e massacradas e neste caso o momento é de falar, de testemunhar o que Deus fez em sua vida.
Nós que já sofremos, que já enfrentamos o desprezo , a dor e até alguns de nós, salvos que já passamos por depressão

Na minha aflição o Senhor me vivificou!!

"Preciso de   ajuda! Agora ! Rápido! A vida de um homem está por um triz vamos lá. "
Ei ! Eu falo com você que já conhece a Jesus! Perceba as vidas podem depender de seu testemunho!
As pessoas deprimidas sentem-se sozinhas é preciso que pessoas mentalmente saudáveis e cheias de Deus se aproximem delas para resgatá-las desta terrível situação.
Veja, o senhor deu vida ao salmista, e se deu vida é por que ele já não a tinha. O salmista estava morto, espiritual e emocionalmente, o coração ainda batia, mas não demoraria muito para este também cessar de bater.  Um depressivo está morto. Ele está apático, sem vida, sem motivação , sem vigor. Ele precisa ser ressuscitado.
Meu post não é para quem está atravessando esta fase terrível, estes dificilmente irão tocar neste post.
Eu falo para quem conhece alguém nesta situação, ou alguém que já passou por isso e corre o risco de passar de novo.
Nós precisamos nos mobilizar urgentemente contra essa terrível situação.
mas como ajudar?
Conversando com pessoas que estão doentes, dando-lhes atenção, contando para elas outros casos de superação desta terrível enfermidade. Na Bíblia temos vários casos de depressão. Davi passou por isso quando perdeu seu primeiro filho de Bate-Seba,  Elias pediu para si a morte quando se viu perseguido por Jezabel e Salomão descreveu seus terríveis momentos de pessimismo e falta de motivação para viver e que ele descreve em parte de Eclesiastes.
Aqui neste salmo temo o remédio para esta doença da alma e das emoções.Deus tem a última palavra para a depressão, e é preciso que os amigos do doente saibam disto.

O salmista nos dá seu testemunho, ele esteve aflito, sua alma estava passando por profunda opressão, mas neste momento a Palavra, isso a Palavra do Altíssimo lhe deu vida.
As pessoas precisam entender que há um amor profundo e maravilhoso que elas precisam conhecer, uma amor que nos faz plenos
Sempre a Palavra de Deus tem resposta para os anseios mais profundos do nosso coração.

Nós que já experimentamos essa bendita Palavra nos redimindo e restaurando precisamos estender a mão aos moribundos desta vida e não deixar que suas vidas se esvaiam num súbito de desespero e aflição.
Deus é nosso amigo , mas ele usa pessoas para nos falar ao coração. As pessoas de Deus devem ser nossas melhores amigas, pois elas tem de onde buscar ajuda quando precisamos de força.
A Palavra de Deus anima, cura, restaura as forças e dá ânimo para viver. É como o salmista diz: A Palavra vivifica!

A última palavra contra a aflição, contra a depressão vem de Deus, e os amigos devem comunicar isso ao doente.A depressão se combate com amizade, com amor, empatia da parte da parte da família e dos amigos e especialmente a Igreja de Jesus orando, visitando e aconselhando estes tristes afetados pela depressão.  Seja você parte da ajuda na vida dos deprimidos estenda sua mão para evitar com que eles se atirem nas pontes. 


Share:

segunda-feira, 14 de novembro de 2016

Esperar é crer, amar e confiar. Salmo 119.49


Lembra-te da palavra dada ao teu servo, na qual me fizeste esperar. Salmos 119. 49


A nossa geração vive a era da velocidade , em que as coisas , são  avaliadas mais pela velocidade com que se pode obtê-las do que pelo valor essencial delas.
De fato, quem realmente gosta de esperar?  Nós estamos sempre ansiosos para chegar no final do ano, ou nas férias, ou no fim do expediente, ou no fim do mês para receber pagamento. Somos imediatistas. Pessoas velozes. Mas nem sempre viver bem é viver rápido, ou melhor, quase nunca é.
Existe muita pressa em se adquirir bens, coisas, experiências, sensações, mas há muito pouca paciência  para adquirir qualidades como um bom caráter, uma boa reputação, ou coisas como um  bom emprego , que lhe proporcione uma renda  suficiente e qualidade de vida, ou uma  amizade verdadeira. Temos pouca paciência para ouvir um amigo, contar uma história, passear calmamente por uma praça. A pressa diminui nossa vida ao diminuir o tempo que passamos apreciando a mesma.
Há coisas boas que Deus quer nos dar, mas ele exige que tenhamos calma, saibamos esperar.
Tudo bem que gostar de esperar  ninguém gosta, porém alguns conseguem aceitar com mais esperança e tranquilidade o tempo certo em  que as coisas ocorrem.  Estes são mais felizes pois confiam mais.
Coisas demoradas parecem não possuir muito sentido. Parecem que não valem a pena.  Parecem que não são essencialmente boas.
Mas Deus nos faz esperar, e algumas vezes nos faz esperar  muito. A espera porém nunca é sem sentido ou prejudicial, porém ela sempre aponta para um bem maior. Tudo em nossa vida acontece no momento certo. A Provisão de Deus é certeira e infalível, ele dá na hora certa sua bênção e também retira na hora certa a aflição. Nem mais nem menos, mas Deus sempre se lembra de nos abençoar.
Mas como saber o tempo adequado em que as coisas ocorrem? Bom o tempo de Deus é o tempo em que tudo acontece, afinal  Ele é Soberano sobre tudo incluindo o tempo. Na verdade não há como procurar o tempo de Deus, pois de fato é ele que nos encontra, inescapavelmente.
O tempo não é nosso , não podemos sujeitá-lo  a nós,  cabe ao Senhor determinar o que irá ocorrer no tempo certo.  Lembre-se que o Senhor, sempre trabalha e coopera para o bem dos que o amam e ele está em seu favor, quando você é escolhido de Deus sempre estará disponível a ele para que ele trabalhe para seu crescimento espiritual. O crescimento exige que lutemos e esperemos a resposta de Deus sobre nossos problemas.
Quem não tem fé não espera, quem não crê vive ansioso, preocupado , cheio de medo. Esperar é ter certeza de que Deus proverá sempre o melhor para as nossas vidas.
Esperar é uma dádiva dos que confiam.  Esperar é saber em quem temos crido. Esperar é crer, é amar a Deus e confiar nele.


Share:

Popular Posts

Sobre Mim

Sou cristão evangélico, casado com Thainá Oliveira, secretário de escola, formado em Teologia e acadêmico de filosofia. Sou membro da Igreja Presbiteriana do Brasil , na cidade de Cachoeira do Sul, RS onde resido.
Amo Jesus, minha esposa , família, minha Igreja , minha terra e também amo escrever.

IPB

IPB
Logo Igreja Presbiteriana do Brasil

Seguidores

Minha lista de blogs

Total de visualizações

Siga-me por e-mail!

Menu (Editar so No Html )

Recent Posts

Sobre Mim

Sou cristão evangélico, casado com Thainá Oliveira, secretário de escola, formado em Teologia e acadêmico de filosofia. Sou membro da Igreja Presbiteriana do Brasil , na cidade de Cachoeira do Sul, RS onde resido.
Amo Jesus, minha esposa , família, minha Igreja , minha terra e também amo escrever.

Copyright © Blog do Vitor Germano | Powered by Blogger

Design by ThemePacific | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com