Pular para o conteúdo principal

Meditação - Salmo 119.15

Meditarei nos teus preceitos, e terei respeito aos teus caminhos.  Salmo 119.15
  


Fui procurar o verbete "meditar" do original hebraico utilizado neste verso, achei a palavra Hagar  (o site no qual encontrei este significado é a  Enciclopédia Bíblica Online, recomendo) .  Hagar significa  refletir, raciocinar, ponderar,  pensar.
Vamos agora considerar o interessante funcionamento de nossa mente. Entenda,  ela não pode ficar vazia por nem um segundo, ela está sempre em constante movimento, corre de um pensamento para outro com muita velocidade. Claro que diminuir o fluxo de pensamentos é possível, mas encerrá-lo não, este fluir não cessa, nem mesmo à noite, saiba que enquanto dormimos o sonho é a forma deste fluxo prosseguir.  Meditar seria então  diminuir ao máximo essa torrente de pensamentos e então ponderar calmamente sobre algum assunto.
Para isso será necessário se despir de preconceitos, pois  meditar não é uma prática exclusiva de monges  católicos ou de adeptos de religiões orientais. Para o  cristão, meditar é orar  sozinho, com os olhos abertos e lendo a Bíblia,  é uma coisa simples ( pelo menos deveria ser).


Como Meditar
 E como devemos meditar? Naturalmente, se você está em uma praça barulhenta no centro da cidade você dificilmente conseguirá se concentrar. Refletir profundamente   nas Escrituras rodeado de todo tipo de outros estímulos, sonoros, visuais, olfativos, é bem complicado. É preciso estar quieto, em uma atitude de reverência.  Não esperamos que você consiga meditar por exemplo, comendo um sanduíche, vendo TV, ou escutando rádio, por exemplo. Alguns até podem conseguir ouvindo uma música de fundo suave, o que não funciona muito bem comigo.
É preciso abstrair. Abstrair é sair fora do todo, tirar do contexto e ficar à parte, retirado. É por isso que Jesus ia para o monte orar, ficando longe das multidões. Ali ele ficava isolado, somente  com a companhia do Pai. Não é possível meditar em grupo. Nem em dupla, somente a sós.
 Hoje abstrair seria, nestas circunstâncias, ficar alguns momentos alheio às agitações do mundo moderno. Em nosso caso, seria inviável em uma cidade moderna achar um monte para orar. Nas verdade o monte pode significar qualquer lugar retirado, seja um campo, uma fazenda, ou até mesmo um quarto em que possamos ficar a sós com Deus.  Se possível desligar celular, e todo e qualquer aparelho que nos faça sair de nosso momento de meditação.


No que meditar
 Refletir sobre as Escrituras faz com que cresçamos em devoção sincera e compreensão sobre os desígnios divinos. Refresca nossa mente com o vigor   que brota de uma mentalidade vivificada pelo Espírito através do Texto Sagrado.

Medite fazendo anotações, usando marcador de texto. Se você achar interessante, use um bom livro cristão  para acompanhar a leitura bíblica ( jamais abra mão da própria Bíblia). Faça esboços, anotações , rascunhos, faça cópias do texto , sublinhe, leitura em voz alta. Seja criativo, não siga somente uma receita, a meditação e o estudo são seus, e Deus quer falar com você de um modo que você entenda e que se sinta motivado.
O melhor assunto em que poderíamos fixar nosso pensamento é a Palavra de Deus. Meditar nela trará benefícios incontáveis para nossa alma. É é uma prática excelente, devemos meditar sempre que possível. 





Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Trindade Imanente e Trindade Econômica

Não se pode estudar Teologia do ponto de vista ortodoxo sem refletir a respeito da doutrina Trindade. A grande maioria das Igrejas cristãs abraça esta doutrina. Ela é básica para o Cristianismo.  A Declaração típica do credo cristão histórico é: Cremos em um só Deus, eternamente subsistente em três pessoas: o Pai, o Filho e o Espírito Santo .
Os judeus do tempo de Jesus davam muita ênfase à unidade de Deus, e esta ênfase foi trazida para dentro da igreja cristã. Não muito tempo depois,  estudiosos da Bíblia notaram que a Unidade ensinada no Judaísmo não era tão evidente assim como se entendia na época. Analisando as afirmações de Cristo e as revelações do apóstolo Paulo chegou-se a conclusão de uma Triunidade, também chamada de  Trindade .
Tertuliano (ca. 160 - ca. 220 d.C.) foi o teólogo responsável pelo desenvolvimento do termo Trindade, ele criou a palavra “Trindade” (no latim, Trinitas), esse termo desde a sua época tornou-se característico da teologia cristã. Muitos teólogos do cristi…

Um caminho sujo para o jovem limpo - Salmo 119.9

Com que purificará o jovem o seu caminho? Observando-o conforme a tua palavra.  Salmo 119.9

Imagine comigo uma cena : um rapaz  limpo e  cuidadoso , com vestes muito brancas, tem de  cruzar por um caminho difícil e sujo para chegar ao seu destino. Para complicar , o lugar que o espera só o receberá se estiver com suas  vestes limpas. A trilha é lamacenta e ele irá inevitavelmente se sujar. Não há grama, concreto, pedras ou algum atalho identificável, ele terá que passar pelo barro. Para um jovem asseado como ele , a sujeira é desafiadora, incômoda, detestável. Sua aflição é grande por que sabe ter que trilhar este caminho. Mas imagine também que ele ouça alguém que lhe dirige a palavra dizendo: por aqui, escute a minha voz, siga por este caminho, desvie dos buracos. Mais adiante  esta voz lhe  avisa sobre uma poça, um galho, um obstáculo e assim  por diante, conselho sobre conselho, ele vai seguindo sem duvidar que essa voz lhe manterá  longe da sujeira e dos perigos do caminho. Não prec…

Os Pais capadócios

A região da Capadócia (também conhecida como Província da Capadócia) era localizada na área centro-oriental da Anatólia na moderna Turquia. Era um dos domínios romanos da região da Ásia Menor. Os Pais Capadócios foram três notáveis teólogos que viveram nesta região entre os concílios de Niceia (325) e o de Constantinopla (381). Sendo que suas contribuições para o Concilio constantinopolitano foram especialmente  relevantes. São eles  Basílio, Gregório de Nazianzo e Gregório de Nissa  e ficaram  conhecidos como os  Padres Capadócios.
Os três foram grandes amigos do assim chamado “Campeão da Ortodoxia” Atanásio, ou Atanásio de Alexandria , e criaram fórmulas para desenvolver a doutrina da Trindade de forma a ser aceita pela maioria dos teólogos da época. Basílio de Cesaréia e Gregório de Nissa eram irmãos, sendo que Basílio, que era seis anos mais velho, foi quem ensinou os princípios elementares da fé a seu irmão mais novo Gregório. Gregório de Nazianzo foi amigo íntimo dos dois, compartil…